EM CADA SONHO UM POEMA, UMA ALMA, UM CORAÇÃO DESFEITO DE MILHENTAS ATITUDES...SOLTA-TE PELO VAGUEAR DOS PENSAMENTOS, LÊ POESIA E DESCOBRE-TE NA IMENSIDÃO DAS PALAVRAS!...Yaleo 

Terça-feira, 8 de Julho de 2008
Um estado...

Suspiro pedaços de dor
Arrasada por eufemismos complicados.
Temporal,
Intempéries do destino traçadas por nós.
 
Queria viver um grande amor
E tu não deixas…
Perpetuo-me de dor, cruzando abismos
Diariamente encontro-me contigo
Num escuro que só nós os dois vemos,
Fechas-me a porta quase todos os dias
E eu, nem consigo bater
Com os nós dos dedos fracos e envelhecidos.
Dou uma volta nem sei de quantos graus
E volto…
Reencontro-me de novo com a solidão.
 
Passo meus dias a viver do imaginário
E dele me alimento, dando seiva
Ao meu cérebro enlatado de confusões.
Amo-te… e todo o resto não interessa.

 



publicado por Yaleo às 15:28
link do post | comentar | favorito

23 comentários:
De Cöllyßry a 2 de Agosto de 2008 às 19:11
Vim deixar um beijito

Fica bem


De menina sonhadora a 28 de Agosto de 2008 às 11:41
Tão lindo este post =)
adorei
bjs


De Jofre de Lima Monteiro Alves a 30 de Agosto de 2008 às 01:32
Mesmo vivendo no imaginário, é sempre com gosto que passo por este excelente blogue, cheio de grande qualidade e fina sensibilidade. E poesia da melhor, pese embora este negativismo imanente. Boa semana com tudo de bom,


De Jofre de Lima Monteiro Alves a 30 de Agosto de 2008 às 01:33
Mesmo vivendo no imaginário, é sempre com gosto que passo por este excelente blogue, cheio de grande qualidade e fina sensibilidade. E poesia da melhor, pese embora este negativismo imanente. Boa semana com tudo de bom,


De Nilson Barcelli a 2 de Setembro de 2008 às 17:59
Li talvez uma dúzia de poemas que publicaste aqui.
Escreves muito bem poesia, eu gostei imenso. Parabéns pela tua criatividade poética.

Obrigado pela tua visita, volte sempre.

Beijinhos.


De Cöllyßry a 7 de Setembro de 2008 às 22:39
Estou de volta e apreciando este belissimo poetar...

Beijitos


De Nilson Barcelli a 8 de Setembro de 2008 às 21:00
Seria bom se fosses escrevendo de vez em quando mais um poema.
Mas se não podes...
Beijinhos.


De Jofre de Lima Monteiro Alves a 28 de Setembro de 2008 às 07:19
Passei para ver o blogue na esperança de encontrar novos artigos. Boa semana com tudo de bom.


De M. Glória a 29 de Janeiro de 2009 às 22:53
Que o teu encontro com a solidão seja suave e breve!
E que a doce loucura do amor possa bater à tua porta,só tens que a abrir, rápidamente...
beijinho.
Glória


Comentar post

© Todos Direitos Reservados
.Flor

Associação Cultural Jornal O Arrifanense
.pesquisar
 
Users Online
.Outubro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


.Poesias recentes

. GRITO

. A resposta

. "A minha janela" em Lisbo...

. Hoje...

. Feliz Dia da Mãe

. Para ti que existes

. Apresentação em Aveiro

. CONVITE - Apresentação em...

. Tempo

. Promoção do Romance "A mi...

.arquivos

. Outubro 2012

. Agosto 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Agosto 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Agosto 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

.links