EM CADA SONHO UM POEMA, UMA ALMA, UM CORAÇÃO DESFEITO DE MILHENTAS ATITUDES...SOLTA-TE PELO VAGUEAR DOS PENSAMENTOS, LÊ POESIA E DESCOBRE-TE NA IMENSIDÃO DAS PALAVRAS!...Yaleo 

Terça-feira, 8 de Julho de 2008
Um estado...

Suspiro pedaços de dor
Arrasada por eufemismos complicados.
Temporal,
Intempéries do destino traçadas por nós.
 
Queria viver um grande amor
E tu não deixas…
Perpetuo-me de dor, cruzando abismos
Diariamente encontro-me contigo
Num escuro que só nós os dois vemos,
Fechas-me a porta quase todos os dias
E eu, nem consigo bater
Com os nós dos dedos fracos e envelhecidos.
Dou uma volta nem sei de quantos graus
E volto…
Reencontro-me de novo com a solidão.
 
Passo meus dias a viver do imaginário
E dele me alimento, dando seiva
Ao meu cérebro enlatado de confusões.
Amo-te… e todo o resto não interessa.

 



publicado por Yaleo às 15:28
link do post | comentar | favorito

23 comentários:
De Anónimo a 8 de Julho de 2008 às 16:00
Há estados em que não conseguimos sair, um deles é o estado de apaixonado, ou se calhar estado de amor. Beijo


De estreladosul a 12 de Julho de 2008 às 19:07


Melhores dias virao , amiginha. Tem fe

“Para você o carinho...
da minha amizade”

Um lindo fim de semana

Bjinho amigo

Mario Rodrigues

Em espaço de partilha:
http://toquedeestrela.blogspot.com
http://sensualidadeemletras.blogspot.com


De Yaleo a 12 de Julho de 2008 às 19:11
Obrigada pela visita Mário.
Melhores virão, certo, sem dúvida que sim, que o estado de espírito de hoje não é o de amanhã...a vida é um estado em permanente mudança.
Um beijo e bom domingo****


De Blue Eyes a 12 de Julho de 2008 às 21:28
Olá Yaleo!
Venho retribuir a tua visita ao meu banquinho e fiquei tão agradado com o teu texto que o levo para os meus favoritos!
O amor é um sentimento imcombatível!

Um beijinho e um bom fim de semana!


De Yaleo a 12 de Julho de 2008 às 21:46
Obrigada pela visita:)
Podes "levar-me" sempre que quiseres, será sempre bem vindo "banquinho" ao meu cantinho poético:)
Beijo


De Hermínia Nadais a 13 de Julho de 2008 às 14:44
Que sonhos de infinito se lêm na beleza das tuas palavras e na grandeza inacessível dos teus gestos e do teu querer!...
Porquê... minha amiga... tanta luz e amor não conseguem abrir olhos para conduzir passos desconcertados ao caminho da verdadeira fonte de alegria???!!!...
Incompreensível! Talvez... minha querida... para conseguirmos aprender a crescer contigo voando nas asas da dor e amor até aos cumes da felicidade conquistada apenas por nós e bem dentro de nós.
Mil beijos com o maior carinho, Hermínia


De Yaleo a 13 de Julho de 2008 às 22:39
O sonho comanda a vida, e eu aprendi a sonhar:)
Um beijo e obrigada pela visita.


De Jofre de Lima Monteiro Alves a 20 de Julho de 2008 às 17:37
Sempre um assumido prazer passar por este excelente blogue para ler e apreciar esta lindíssima poesia, de fina sensibilidade e grande qualidade. Boa semana, com tudo de bom.


De estreladosul a 21 de Julho de 2008 às 05:31
“Amigo é aquele, que você sente
Sempre estar presente
Em qualquer instante”

Uma linda semana

Bjinho amigo

Mario Rodrigues

Em espaço de partilha:
http://toquedeestrela.blogspot.com
http://sensualidadeemletras.blogspot.com


De Yaleo a 22 de Julho de 2008 às 21:24
Obrigada estrelinha do sul:)
Uma boa semana*** com muita poesia e muito amor***


De Cöllyßry a 23 de Julho de 2008 às 17:18
Que estes suspiros sejam breves e renasça os suspiros de amor...Lindo poema

Beijito


De Yaleo a 23 de Julho de 2008 às 19:14
O amor suspira juntamente com a poesia e dela se alimenta:9
Um beijo


De Jofre de Lima Monteiro Alves a 26 de Julho de 2008 às 20:58
Mais um magnifico poema cheio de qualidade e de significativa mensagem. Já Pascal dizia que o egoísta odeia a solidão, e nesse sentido somos todos um pouco egoístas. Gostei imenso do poema. Boa semana com tudo de bom!


De estreladosul a 30 de Julho de 2008 às 04:14
“Quem tem um amigo,
tem um tesouro"

Uma linda semana

Bjinho amigo

Mario Rodrigues

Em espaço de partilha:
http://toquedeestrela.blogspot.com
http://sensualidadeemletras.blogspot.com


Comentar post

© Todos Direitos Reservados
.Flor

Associação Cultural Jornal O Arrifanense
.pesquisar
 
Users Online
.Outubro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


.Poesias recentes

. GRITO

. A resposta

. "A minha janela" em Lisbo...

. Hoje...

. Feliz Dia da Mãe

. Para ti que existes

. Apresentação em Aveiro

. CONVITE - Apresentação em...

. Tempo

. Promoção do Romance "A mi...

.arquivos

. Outubro 2012

. Agosto 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Agosto 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Agosto 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

.links